O governo federal cancelou o repasse de R$ 600 milhões para o RN. O Ministério da Fazenda descartou a ajuda financeira após recomendação do Ministério Público de Contas junto ao Tribunal de Contas da União, na última sexta-feira (22). Isso se deu, principalmente, devido ao anúncio do governador Robinson Faria que usaria o dinheiro para pagar os salários dos servidores públicos.