Em reunião com o seu secretariado nesta segunda-feira (02) a prefeita de Mossoró Rosalba Ciarlini (PP) anunciou como uma das primeiras medidas da gestão a redução de gastos excessivos. Segundo Rosalba, a intenção é viabilizar o funcionamento da máquina administrativa municipal e conter despesas consideradas desnecessárias para esse momento.

O Decreto 5025 de 02 de janeiro de 2017 será publicado na edição desta terça (03) do Jornal Oficial do Município. Entre outras medidas de contenção estão a suspensão de pagamento de horas extras, plantões e viagens, redução de no mínimo 50% do número de cargos comissionados por cada órgão, revisão e cancelamento de contratos e locações.